Quem sou eu

Minha foto
Publicarei noticias esportivas de guarapuava e região , e algumas fotos da história do futebol em guarapuava .

sexta-feira, 9 de julho de 2010

RECORDAR... A GRANDE CONQUISTA DA TAÇA PARANÁ PELO G.R.E.MADEIRIT EM 2004

MARCIO BODE E SANDRÃO CAMPEÕES PELA MADEIRIT, SEGURANÇA NA ZAGA DO BATEL EM 2009 NA TERCEIRA DIVISÃO.

CONQUISTA INÉDITA E MERECIDA

PRIMEIRA PARTIDA ,GRANDE VITÓRIA DA MADEIRIT

O Estádio Municipal Rubens de Melo, em 2004 na cidade de Guarapuava, foi palco da primeira partida pela decisão da 41.ª Taça Paraná de Futebol Amador, reunindo a equipe local do Madeirit e o Milan, de São José dos Pinhais. Um primeiro tempo bem disputado, com o marcador movimentado apenas aos 35 minutos, num lance que gerou polêmica. O árbitro Valdemir de Souza, de Francisco Beltrão, assinalou uma falta de fora da área contra o Milan e que teria de ser cobrada em dois toques. O jogador Mernick atirou direto para as redes de Ricardo Pinto e o gol valeu. Infrutíferas as reclamações dos jogadores do Milan. No segundo tempo, o Milan foi para cima do adversário procurando empatar o jogo. Dramático e sensacional foi o final da partida. Não aconteceram mais gols e o resultado de um a zero para o Madeirit significou a quebra da invencibilidade do Milan e a vantagem do empate para o Madeirit no segundo jogo, que será em São José dos Pinhais. O tricolor teria que vencer no tempo regulamentar para forçar uma prorrogação e penalidades, se for preciso.

.Detalhes técnicos:

Madeirit 1x0 Milan.

Estádio Municipal Rubens de Melo em Guarapuava.

Árbitro: Valdemir de Souza.

Gol no 1.º tempo. Mernick cobrando falta, aos 35 minutos.

Madeirit: Júlio César, Dé, Márcio Bode, Sandro, Rochinha, Joel, Airton (Mário), Evandro Mico (Wellington), Negão, Zanata (Dirceu Pato) e Mernick. Técnico: Pedro Aurélio Gonçalves.

Milan: Ricardo Pinto, Henrique (Rato), Luciano, Aurélio, Edenelson, Fernando, Geraldinho, João Paulo, Chapoca (Joilton), Marcos Gaúcho e Cigano. Téc.: Ziquita.

SEGUNDA PARTIDA (DECISÃO)
Pela primeira vez na história da Taça Paraná, um time de Guarapuava conquista a Taça Paraná, competição que teve sua primeira edição no ano de 1964. A 41ª edição teve o Madeirit como o legítimo campeão. O temporal que desabou sobre a cidade de São José dos Pinhais, momentos antes do jogo, deixou a cancha alagada e quase impraticável. O jogo que deveria começar às 16h, sofreu grande atraso e só foi iniciado às 16h40 e em precárias condições. Mesmo assim, os jogadores das duas equipes se esforçaram bastante em busca de um resultado positivo. O G.E.R. Madeirit não se intimidou em momento algum, criando boas oportunidades e quase nada permitindo ao time local, que precisava da vitória. O primeiro gol aconteceu aos 34 minutos em favor do Milan (Fernando). Ainda no primeiro tempo o Madeirit igualou a contagem através do lateral direito Batista. Na segunda fase, Airton colocou os visitantes em vantagem aos 16 minutos, mas no minuto seguindo uma penalidade máxima cobrada por Cigano deixou tudo igual. Dramáticos foram os minutos finais. Precisamente aos 48 minutos (nos acréscimos) Evandro marcou, de cabeça, o gol da vitória do Madeirit. Minutos antes, Cigano teve a chance de colocar o Milan em vantagem, mas o goleiro Anderson neutralizou o tiro de rigor. Durante o jogo, aconteceram nada menos do que cinco expulsões: Marcos Gaúcho, Rossano e Aurélio pelo Milan. Júlio César, goleiro, e Rochinha. Ao apito final do árbitro Maurício Batista dos Santos, em meio à festa do time visitante, foi realizada a solenidade de entrega de troféus e medalhas às duas equipes: Madeirit (campeão) e Milan (vice). Jorge Dib, Adroaldo, Henrique Mehl e Dilon Waldrigues representaram a Federação. Adroaldo fez entrega do troféu que leva o nome de seu falecido pai, Alvacir Araújo, ao time campeão.


DETALHES TECNICO
Milan 2x3 Madeirit.
Local: Estádio Moacir Tomelin, em São José dos Pinhais.
Árbitro: Maurício Batista dos Santos.

1.º tempo: 1x1. Gols de Fernando e Batista. Final: Madeirit 3x2: Airton, Cigano (penal) e Evandro.

Madeirit (Campeão). Fundado em 21 de março de 1955. Presidente: Mário Ferreira Paloski.

Elenco: Júlio César (Anderson), Batista, Márcio Bode, Sandro, Rochinha, Medina, Airton, Evandro Mico, Mernick, Negão e Roni (Dé). Técnico: Pedro Gonçalves.

Milan (Vice): Ricardo Pinto, Henrique (Ge), Rossano, Aurélio, Edenelson, Fernando, Chapoca (Joilson), Geraldinho, João Paulo, Marcos Gaúcho e Cigano. Téc. Ziquita. O Madeirit realizou 12 jogos, venceu 8

Nenhum comentário: