Quem sou eu

Minha foto
Publicarei noticias esportivas de guarapuava e região , e algumas fotos da história do futebol em guarapuava .

terça-feira, 3 de março de 2015

FUTEBOL AMADOR DO INTERIOR DO PARANÁ NA U.T.I.

FUTEBOL AMADOR DO INTERIOR PR NA U.T.I. Quem sempre acompanhou a trajetória do futebol amador, deve estar insatisfeito com o retrocesso que vem acontecendo, principalmente ao interior do estado. Temos presenciado o descredito que a entidade mater do Paraná, simplesmente virou as costas aos clubes do interior. Este esporte surgiu para movimentar o intercambio entre cidades. Outrora as viagens eram difíceis pela má qualidade das estradas, muitas vezes deslocamento era feito por trem. Hoje vemos caminhos perfeitos ao acesso que pretender percorrer. Esta administração que findará o mandato (espero) em poucos dias, fez o favor de guilhotinar o futebol amador do interior, eliminando dezenas de Ligas em caráter ditatorial sem ao menos tentar remediar com algum tipo de ajuda. Se no passado as competições criavam aspectos de grande clássicos pelas dezenas de inscritos, cidades se gladiavam, no bom sentido, defendendo com fervor os seu distintivo, os campeões das ligas interioranas eram o orgulho da comunidade representada. Hoje a cansada Taça Paraná de futebol amador tem nove representantes, somente uma equipe do interior esta se confronta com equipes da capital e região metropolitana. Não é erro algum se frisarmos que as ligas municipais e regionais encontram-se isoladas quase que completamente. O distanciamento da F.P.F. com seus filiados foram condicionais para enfraquecimento do interior. Perante a proximidade de uma eleição, esperamos que o vencedor (a oposição) nos mostre um programa que faça ressurgir a esperança, reerguer com vigor e amparo mais vivo as suas filiadas. Assim fazendo para melhor engrandecimento do próprio futebol paranaense, que vive e deve viver com a comunhão de todas as agremiações, quer da capital, quer do interior. Modernizar com um Departamento de futebol amador com sede em alguma cidade do interior do estado. Inovar com a formação de campeonato do interior. O Estado tem 399 municípios, muito com poucos habitantes, mais com bons estádios de futebol, mesmo aqueles que não tenham arquibancada, mais oferecem boa estrutura de vestiários e gramado querem fazer parte, mais as leis não permitem. Cada caso é um caso, os dirigentes não percorrem o estado para avaliar, ficando sentado atrás da mesa, é cômodo. Todos têm direito ao esporte, se precisar adequar uma lei estadual que assim seja. Um departamento amador fora da capital parece-me fundamental para uma nova forma de gerir o futebol do interior.